Publicidade




0
Chamadas foram feitas em unidades de todo o país; concursos haviam sido aplicados neste ano pelo Ebserh, programa ligado ao Ministério da Educação


shutterstock/Reprodução
Aprovados nos concursos foram convocados nos últimos dias, de acordo com o programa

Mais de 2,8 mil candidatos aprovados pelo no concurso realizado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), ligada ao Ministério da Educação (MEC) foram convocados para trabalharem nos hospitais universitários. Os profissionais realizaram a prova neste ano.

De acordo com o presidente da estatal, Kleber Morais, as convocações dos aprovados nos concursos representam o compromisso do ministério com o ensino, a pesquisa e a extensão do trabalho das universidades.

“A melhoria dos nossos hospitais passa por investimentos na infraestrutura e no parque tecnológico, mas principalmente pela força de trabalho qualificada. Em um ano de recuperação econômica, com redução de gastos e despesas, esse número expressivo de candidatos convocados reforça o papel dos hospitais universitários, que atuam no ensino, na pesquisa e na extensão, mas que também buscam oferecer atendimento de saúde de qualidade para as pessoas mais carentes”, apontou.

Os profissionais foram chamados ao longo dos últimos dias. Somente na última terça-feira (18), houve a convocação de aproximadamente 250 candidatos para quatro unidades: o Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em Belo Horizonte, o Complexo Hospitalar de Clínicas da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, o Complexo Hospitalar da Universidade Federal do Pará (UFPA), em Belém, e o Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (Ufpel), no Rio Grande do Sul.

Contratações

Com os novos funcionários, a regularização de boa parte das equipes que compõem a força de trabalho com vínculos considerados irregulares pelos órgãos de controle será feita. Além disso, os reforços possibilitam a reativação de leitos sem uso por falta de recursos humanos, e também a ampliação e melhoria dos serviços de saúde prestados à população por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Os profissionais são contratados pela Ebserh sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Atualmente, a Ebserh administra 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário. Não publicamos neste blog comentários com palavras de baixo calão, denúncias levianas e troca de ofensas entre leitores.